O problema dos emergentes

http://is.gd/8IOBR1

Gestão de Recursos/N@ Web/Edição 122 / 1 de outubro de 2013
Por 


A gestora Franklin Templeton sempre aposta em frases a completar, com o intuito de interagir com seus seguidores no Facebook. Dessa vez, foi assim: “Eu estou preocupado em investir em mercados emergentes porque…” Foram muitos os comentários, e a maioria deles dizia que a grande preocupação é o risco de mudanças políticas bruscas nesses países. A volatilidade cambial, o desconhecimento das companhias sobre esses mercados e o medo de “contabilidade criativa” também foram citados.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Facebook CAPITAL ABERTO mercado de capitais mercados emergentes Franklin Tempton volatilidade cambial Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
O perfil do sucesso
Próxima matéria
Metalinguagem



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
O perfil do sucesso
Dos cem CEOs mais bem-sucedidos do mundo, 9 são brasileiros, 97 são casados, 37 usam óculos, 47 são carecas ou têm entradas...