Nouriel Roubini acredita ter descoberto o melhor esquema de pirâmide

18/9/2014

Gestão de Recursos/N@ Web / 18 de setembro de 2014
Por 


Quando Nouriel Roubini faz alguma previsão catastrófica, as pessoas param para ouvir. Ele era um tanto ridicularizado no começo dos anos 2000. Enquanto todos exalavam otimismos, ele dizia que os preços dos imóveis estavam altos demais, previa uma bolha imobiliária e uma crise no rastro dela. Roubini chegou a ser chamado de “Dr. Doom” (doutor catástrofe) por quem via exageros em suas análises. Mas eis que chegou 2008 e ele foi reconhecido como o homem que previu o inferno. Por isso, suas palavras dão o que falar. O economista nascido na Turquia e radicado nos Estados Unidos vem se empenhando em expor, via Twitter, os problemas do bitcoin e da nova febre do ouro. Há algum tempo a commodity vinha atraindo muita gente, que a considerava imune a desvalorizações. Resultado: a barra de 2,8 quilos do metal, que chegou a valer mais de US$ 1.800 em 2011, hoje é vendida por cerca de US$ 1.225. Estes comentários foram retuitados e respondidos por vários usuários da rede social em poucos minutos:

Roubini perguntou: “Onde estão se escondendo as moscas do ouro nos últimos três anos, desde que ele começou a cair de seu pico de quase US$ 2 mil? Em cavernas de ouro”? Depois, completou: “Melhor esquema de pirâmide: compre bitcoin com ouro e ouro com bitcoin”. Para ele, a moeda virtual não é uma moeda, não funciona como reserva de valor e nem ela nem os ativos por trás dela representam riqueza. Trata-se apenas, em sua visão, de um meio para negociações ilegais. Já o ouro era um metal que passou pelo mesmo fenômeno dos imóveis americanos: uma bolha. Será que ele acerta em sua percepção sobre o dinheiro virtual? Ou está apenas esperando pelo pior para colher os louros caso algo catastrófico realmente aconteça?


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 4,90 (nos 3 primeiros meses).
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Básica

R$ 4, 90*

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
-
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$36,00

Completa

R$ 9, 90

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
01 Edição Impressa
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$42,00

Corporativa

R$ 14, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
15% de Desconto em grupos de discussão e workshops
15% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$69,00

Clube de conhecimento

R$ 19, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
20% de Desconto em grupos de discussão e workshops
20% de Desconto em cursos
Acervo Digital
com áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$89,00

**Áudios de todos os grupos de discussão e workshops.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  CAPITAL ABERTO mercado de capitais Bitcoin Nouriel Roubini Twiiter Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Compliance para Companhias Abertas
Próxima matéria
Forjas Taurus e a polêmica em torno do aumento de capital



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Compliance para Companhias Abertas
Venha saber mais sobre o compliance mínimo necessário para companhias abertas, insider trading, nova lei anticorrupção...