Fluxo de recursos para ETFs atinge recorde em 2011

Os fundos de índice (exchange traded funds — ETFs) receberam mais aportes que os fundos mútuos em 2011. Até novembro, os ETFs negociados nos Estados Unidos haviam levantado US$ 95,2 bilhões, contra US$ 33,6 bilhões dos fundos tradicionais. Na Europa, o cenário foi ainda mais desigual. Enquanto os …



Os fundos de índice (exchange traded funds — ETFs) receberam mais aportes que os fundos mútuos em 2011. Até novembro, os ETFs negociados nos Estados Unidos haviam levantado US$ 95,2 bilhões, contra US$ 33,6 bilhões dos fundos tradicionais. Na Europa, o cenário foi ainda mais desigual. Enquanto os ETFs captaram € 18,9 bilhões até o fim de outubro, os fundos mútuos registraram saídas de € 15,2 bilhões, de acordo com o Deutsche Bank.

Os recursos captados por fundos de índice foram recordes no ano passado. O banco alemão estima que eles atraíram, globalmente, US$ 163,8 bilhões, um pouco acima dos US$ 163 bilhões registrados em 2010. Costandinides Christos, chefe de pesquisa e estratégia de ETF do Deutsche Bank, acredita que a perspectiva é que os fundos de índice captem, em 2012, entre US$ 137 bilhões e US$ 190 bilhões de novos investidores, o que representaria um aumento de 15% a 20% no fluxo de recursos amealhados pelos ETFs.

Para o executivo, o crescimento da indústria de ETFs este ano vai depender não só dos rumos da economia mundial, mas também de decisões regulatórias que estão por vir. O xerife do mercado de capitais europeu, Esma; a Autoridade de Serviços Financeiros (FSA, na sigla em inglês); e a Organização Internacional de Comissões de Valores Mobiliários (Iosco, na sigla em inglês) estão discutindo os riscos sistêmicos que os ETFs poderiam causar. “Se, por um lado, esse debate ajudou os investidores a se familiarizarem com os ETFs, por outro, colocou muita pressão sobre essa indústria”, disse Christos ao Financial Times.


Quer continuar lendo? hoje

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Quero me cadastrar!

Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui > 2

teste

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Estados Unidos ETF Financial Times Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Fidelity quer vetar salários de executivos
Próxima matéria
Reforma a caminho



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Fidelity quer vetar salários de executivos
A proposta do primeiro–ministro britânico David Cameron de dar aos investidores poder de veto sobre o teor dos pacotes...