Europeus querem voto para todos os acionistas

As reformas promovidas pela União Européia em favor das melhores práticas de governança corporativa está voltada agora à questão do direito de voto. Depois de realizar uma consulta pública entre setembro e dezembro de 2004, a Comissão Européia estuda implementar ainda este ano regras para que todos …



As reformas promovidas pela União Européia em favor das melhores práticas de governança corporativa está voltada agora à questão do direito de voto. Depois de realizar uma consulta pública entre setembro e dezembro de 2004, a Comissão Européia estuda implementar ainda este ano regras para que todos os acionistas tenham direito de voto, independentemente da sua classe de ações. A comissão considera injusto o consentimento do poder decisório somente a alguns, mas a idéia promete gerar polêmica visto que cada país tem regras próprias para o direito de voto.

Segundo Aleksandra Kronberga, membro da administração da Comissão Européia, uma das idéias em estudo é a elaboração de um guia sobre os diretos dos acionistas, cuja primeira versão é prevista para sair até o final do ano.

Está incluído nos planos da comissão decidir se a proposta vai valer apenas para empresas listadas, se os investidores poderão votar por meio da internet ou correio e se será adequada a preparação de uma pré-pauta antes da assembléia com informações e documentos. Está sendo analisado, também, se as regras para bloqueio das ações, que impedem negociações próximas à realização da assembléia, devem ser mantidas ou se haveria uma solução alternativa.


Quer continuar lendo? hoje

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Quero me cadastrar!

Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui > 2

teste

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  União Européia práticas de governança corporativa Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Cresce o peso da responsabilidade corporativa
Próxima matéria
Mercado pede fiscalização da SEC para agências de rating



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Cresce o peso da responsabilidade corporativa
A responsabilidade corporativa está ganhando importância no mundo financeiro. Pesquisa realizada pela Economist Inteligence...