Estatísticas confirmam crescimento dos hedge funds



As aplicações em fundos de investimento já demonstravam, no final do ano passado, que o investidor está disposto a tomar riscos maiores para conseguir retornos mais atrativos em meio à baixa nas taxas de juros. Em novembro, a categoria de fundos multimercados – em grande parte constituída pelos chamados hedge funds – era a segunda maior em patrimônio entre os tipos de fundos disponíveis no mercado, segundo dados da Anbid. Atingia 27,7% de participação, contra 26,7% 2002 e 22,5% em 2001. O movimento foi inverso ao dos fundos DI, que saíram de 29,4% em 2001 para 23,4% em novembro último. O patrimônio dos multimercados só perdeu para as carteiras de renda fixa, que chegaram ao final do ano com participação de 36%.

A procura por retornos maiores aparece também na análise da composição das carteiras dos fundos de renda fixa. O percentual de aplicações em títulos públicos federais, que era de 70,6% em 2001, passou a 66,82% em outubro do ano passado. Enquanto isso, a reduzida parcela de aplicações em ações cresceu de 0,5% para 0,93%.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Fundos hedge Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
As cartas estão na mesa
Próxima matéria
Caça aos ativos mais rentáveis



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
As cartas estão na mesa
Passados cinco anos da privatização das telefônicas e oito das elétricas, o governo ainda mantém forte presença no capital...