Traição em Wall Street

A empresa de entretenimento Sony teve sua imagem abalada no fim do ano passado, quando hackers vazaram vários e-mails internos. O último escândalo famoso do tipo, no entanto, não está afetando apenas uma empresa, mas várias. Hackers divulgaram dados dos usuários do site Ashley Madison — usado por …



traicao-em

Ilustração: Grau 180.com.

A empresa de entretenimento Sony teve sua imagem abalada no fim do ano passado, quando hackers vazaram vários e-mails internos. O último escândalo famoso do tipo, no entanto, não está afetando apenas uma empresa, mas várias. Hackers divulgaram dados dos usuários do site Ashley Madison — usado por quem quer ter casos extraconjugais — e logo uma lista das firmas de Wall Street com mais inscritos no portal caiu na rede. O Merrill Lynch está na liderança, com 371 nomes. Agora, os “traidores” que se cuidem. Há o perigo de esses dados serem vendidos e usados para chantagem.


Quer continuar lendo? hoje

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Quero me cadastrar!

Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui > 2

teste

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Ashley Madison Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Virada demográfica
Próxima matéria
Dupla polêmica



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.




Leia também
Virada demográfica
Quem estava preocupado com a situação da economia chinesa ganhou mais um motivo para desânimo. Em agosto, a gestora Franklin...